sábado, 28 de junho de 2008

Momentos

A minha última experiência marítima não tinha sido lá grande coisa... Mas hoje, no mar, experimentei momentos de uma tranquilidade inigualável. Estava sol, vento q.b. para que a bolina fosse embaladora e a companhia deu-me espaço sem nunca me deixar sozinha. Realmente é verdade, depois da tempestade vem a bonança. Em boa hora!

Obrigada Miguéis

1 comentário:

guerra's disse...

Já será extemporâneo?

Realmente, só está sozinho(a) quem não se dá conta de si mesmo(a). Quem se conhece, encontra-se, mesmo que seja e sobretudo, consigo mesmo(a)!
E esse encontro dá cá uma força!!!!

Guerra's